Tecnologias emergentes, houve um tempo em que o novo ano acadêmico nas escolas e faculdades significava novos livros com novos aprendizados. O sistema educacional visava desenvolver mentes jovens e brilhantes com métodos tradicionais de ensino. Ainda hoje, temos a mesma expectativa de marchar adiante pelo poder da educação.

Há uma coisa, no entanto, que parece ter entrado nos bastidores. Permitindo que suas contrapartes avançadas ocupem o centro do palco. 

Embora os livros didáticos continuem sendo o mainframe dos currículos existentes, as tecnologias emergentes mais recentes parecem estar ganhando destaque. 

Provedores de educação, professores de escolas e professores universitários preferem a tecnologia aos livros didáticos, a fim de melhorar o método de transmissão de conhecimento. 

Seu objetivo é principalmente tornar o aprendizado divertido e interessante para os alunos.

Tecnologias emergentes criam novas possibilidades na educação

Existe a possibilidade de que os livros didáticos um dia se tornem uma coisa do passado? Será que viveríamos em um mundo onde contaríamos histórias para nossos filhos sobre livros didáticos que costumavam ser encontrados em todas as mochilas e mesas de estudo? Parece uma noção distante. No entanto, também pode ser possível, se não completamente.

Então, que tipo de tecnologia está reduzindo a necessidade de livros didáticos?

1. Realidade aumentada:

Se você já ouviu falar ou jogou Pokémon Go, dê créditos a essa tecnologia por torná-la realidade. Ou seja, AR sobrepõe informações como imagens, sons e textos no mundo que vemos, tornando as coisas mais interessantes e interativas. Os professores têm usado aplicativos como Aug That, Elements 4D e Anatomy 4D para ensinar aos alunos conceitos de natureza mais complexa.

2. Realidade virtual:

Esta forma de tecnologia coloca o usuário dentro de uma experiência por meio de fones de ouvido de realidade virtual. Esses dispositivos são montados na cabeça do usuário.

O que eles veem é uma simulação gerada por computador que reflete o ambiente selecionado. Sendo assim, este software cativa o usuário e o mantém colado até o final da experiência.

3. Gamificação da aprendizagem: 

Esta é uma abordagem educacional interessante que ajuda os alunos a aprender por meio de videogames. O aluno aprende de forma eficaz por meio dos desafios e do entretenimento que os jogos oferecem durante seu processo de e-learning.

4. Inteligência artificial: 

Torna a vida do professor mais fácil, eliminando o tempo excessivo gasto na avaliação de redações, notas de dever de casa, criação de currículo e análise de desempenho dos alunos. As palestras em sala de aula podem ser substituídas em breve pela IA devido à sua utilidade em experiências de aprendizagem personalizadas.

5. Internet das coisas(IOT): 

Envolve conectar as coisas deste mundo à Internet. É aqui que o aprendizado se torna interessante. Os aplicativos da IoT visam ajudar os alunos a se conectar com educadores em todo o mundo.

6. Sistemas de gerenciamento de aprendizagem: 

Uma plataforma amplamente utilizada para ministrar cursos e programas personalizados de acordo com as preferências do aluno. Este sistema já existe há algum tempo e ainda parece ser usado devido ao seu método de ensino. Ele usa um software onde o educador pode ensinar um assunto na tela enquanto está em qualquer parte do mundo.

7. Computação em nuvem: 

Este é um software onde um grupo de recursos de computação localizados em vários lugares do mundo está conectado. O sistema, portanto, disponibiliza dados para alunos, bem como professores, pais e funcionários. 

Os dados são acessados ​​de qualquer lugar do mundo. Devido a essa tecnologia, as escolas são capazes de manter uma estrutura educacional unificada e gerenciá-la de acordo.

8. Laboratórios virtuais e remotos: 

Esta é uma maneira interessante de combinar o ambiente e os recursos de um laboratório real. 

Este aplicativo da web realmente ajuda a ensinar os alunos em um ambiente seguro, onde eles podem praticar sem o risco de quaisquer componentes químicos prejudiciais.

9. Impressão 3-D: 

Uma tecnologia altamente emergente que imprime formatos 3D que variam de localizações geográficas a estruturas celulares. Ou seja, isso torna o aprendizado mais interativo por natureza. 

Por exemplo, os alunos são capazes de compreender um conceito em profundidade sobre assuntos que antes eram apenas visíveis em livros didáticos impressos em cores.

Portanto, nesse post mostramos algumas Tecnologias emergentes que chegaram para ajudar na educação de um modo geral.

Compartilhe nosso post.

Mostre seu Sentimento
+1
0
+1
0
+1
0
+1
1
+1
0
+1
0
+1
0