• Post author:
  • Post category:Saúde
  • Reading time:5 mins read

Quando falamos em clareador dental, estamos abordando substâncias que podem ser utilizadas no processo de remoção de manchas e amarelados dos dentes.

O clareamento é uma técnica muito interessante da odontologia, que visa modificar a coloração dos dentes, eliminando manchas e devolvendo a pigmentação embranquecida.

Esse procedimento de clareamento dental, é um dos mais comuns da odontologia estética, sendo que essa é uma área de especialização que visa executar tratamentos variados para melhorar a qualidade dos dentes e, consequentemente, a beleza do sorriso.

Os procedimentos estéticos odontológicos, assim como tratamentos estéticos para outras partes do corpo, são procurados pelos próprios pacientes, até por não ser – necessariamente – uma necessidade.

Normalmente, as pessoas procuram esses especialistas porque estão incomodadas com a aparência de seu sorriso e querem encontrar maneiras de modificá-lo e melhorá-los.

Entretanto, existem casos em que também há uma necessidade de realizar modificações na estrutura dentária, pois se não o funcionamento do processo digestivo pode ser prejudicado.

Mais ainda, antes de qualquer tratamento estético, pode ser necessário realizar procedimentos de recuperação da cavidade, visto que a saúde deve estar adequada antes de qualquer ação que possa modificar a estrutura – garantindo a resistência da mucosa.

Por isso, antes de falarmos propriamente dos procedimentos de clareamento dos dentes, quais são os principais tipos e como eles podem ser realizados, selecionamos alguns tratamentos estéticos odontológicos interessantes e que podem ser avaliados antes ou após fazer o clareamento.

Aparelhos dentários

O tratamento com aparelhos dentários, independentemente de qual for utilizado, é muito recomendado por dentistas, especialmente em pacientes que apresentam dentes tortos, separados ou problemas no alinhamento. 

Muitas vezes, existe a necessidade de se utilizar um aparelho, mas também pode ser uma questão de estética, dependendo do grau do posicionamento dos dentes. 

Além disso, existem diferentes tipos de aparelhos dentários, como o aparelho invisivel. Conheça:

  • Aparelho fixo;
  • Aparelho móvel;
  • Aparelho transparente;
  • Aparelho intraoral;
  • Aparelho extra bucal.

No caso das estruturas fixas, caso a alimentação e a escovação não  sejam de qualidade durante o tratamento, o clareamento pode ser necessário. 

Além disso, não é incomum que após a correção os paciente busquem o “sorriso perfeito”, optando pelo clareamento para ter um aspecto mais belo, saudável e brilhante.

Implante

Outro procedimento estético muito utilizado, principalmente quando uma pessoa perde um ou mais dentes, é o de prótese dentária, que é uma estrutura que funciona exatamente como os dentes que foram perdidos.

Mas, para que essas próteses sejam fixadas, é fundamental que os cientistas posicionem um implante dentário, que consiste em pequenas peças metálicas de alta qualidade e robustez na estrutura óssea.

Apesar de fundamental para aspectos mastigatórios, o tratamento é entendido como estético devido aos materiais que podem ser aplicados e o impacto no sorriso.

No caso de haver o desejo de conciliar com o clareamento, é fundamental fazer a aplicação dos géis antes de fixar a prótese, de modo que a coloração seja harmonizada.

Lente de contato

A lente de contato dental pode atuar tanto na melhora de aspectos estéticos, como auxiliar na correção de problemas como quebras, manchas e leves incômodos em relação ao alinhamento, sendo uma película fina posicionada nos dentes e cobrindo tais problemas.

Para a aplicação, é fundamental realizar uma consulta junto ao dentista para sanar dúvidas como a viabilidade do procedimento ou mesmo quanto custa lente de contato dental, recebendo mais informações.

Isso porque, conforme o material e metodologia, os custos podem ser diferenciados, bem como pode haver ou não a necessidade de raspagem da estrutura dental.

Já em relação ao clareamento, as películas não podem receber os géis, mas os procedimentos podem ser conciliados para a obtenção de um sorriso mais belo. 

Nesse caso, a película é aplicada em algumas estruturas e o clareamento é feito nas demais, conforme necessidade avaliada.

Tipos de clareamento dos dentes

Abordando propriamente o clareamento, é interessante apontar que existem diferentes formas de efetuar o procedimento. 

  1. Clareamento caseiro

No clareamento caseiro, como o nome indica, o procedimento pode ser feito em casa, mediante o uso de substâncias recomendadas pelos dentistas.

A vantagem dessa metodologia é a comodidade, visto que não é preciso se locomover até o consultório. Entretanto, o processo tende a demorar mais para ter o efeito desejado. 

  1. Clareamento em consultório

Nesse modelo, é preciso ir até o consultório para que o profissional a substância de clareamento.

Normalmente, esse é o mesmo produto que você utiliza em casa, mas nos consultórios a concentração do produto é maior, agilizando o embranquecimento.

  1. Clareamento com LED

No processo de clareamento dental com LED, os profissionais responsáveis aplicam um gel clareador na arcada dentária e, posteriormente, posicionam uma forte luz de LED direcionando-a para os dentes. 

Isso faz com que o processo seja acelerado, sendo um dos métodos mais tradicionais e efetivos de clareamento.

  1. Clareamento a laser

Por fim, outra forma de clareamento é o feito com laser. Semelhante ao procedimento com LED, nesse caso utiliza-se o laser para potencializar as propriedades do gel clareador, fazendo com que o processo seja finalizado mais rapidamente.

Para identificar qual o método mais indicado, é fundamental consultar o dentista, avaliando qual a necessidade e resultado esperado, bem como quanto custa um clareamento dental visto que cada metodologia terá um orçamento inicial diferente. 
Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe da Networkflow, especializada em materiais para network, empreendedorismo e dicas para a saúde e qualidade de vida.